Toda la Agricultura en Internet
[Portada] [Buscador]  Noticias Precios Agrícolas Cursos Instrumental Anuncios Clasificados Recomendar Infoagro

¿Dónde estoy? Portada DDOO e IIGGPP   Todas las denominaciones


Denominaciones de Origen e Indicaciones Geográficas protegidas

 
Productos de Portugal


Productos de España

Productos de Portugal

Productos de Italia

Productos de Alemania

Productos de Brasil



  DDOO e IIGGPP de Vino
¿Falta alguna denominación?
Envíenos la información y la incluimos
Puede enviarnos cualquier información que desee incluir o comunicarnos cualquier corrección a la dirección:



O a nuestras oficinas:
Infoagro Systems, S.L.
C/Capitán Haya, 60, 3º, 28020, Madrid, España
. Tel. +34 902 11 79 29


Denominación de Origen
DOC Óbidos

Comissão Vitivinícola Regional da Estremadura
, Portugal

Tel.:

Fax:

Email:
Web:

Descripcion:

Esta região, com grande tradição na produção de vinhos, situa-se numa zona privilegiada onde a História se sente pelos monumentos aí existentes. Óbidos foi conquistada por D. Afonso Henriques aos mouros, em 1148, sendo o seu primeiro foral em 1326, dado pela Rainha Santa Isabel. Caldas da Rainha foi fundada, no séc. XV pela rainha D. Leonor, mulher de D.João II. Cadaval teve o seu primeiro foral em 1371, tornando-se Casa Ducal em 1648. Bombarral começou como couto privado do Mosteiro de Alcobaça, passando no séc. XV para a Casa Real.
A paisagem é composta por encostas suaves e vales férteis e o clima é mediterrânico temperado. As vinhas localizam-se em encostas com pouco declive até uma altitude de cem metros.
Da conjugação destes factores com uma selecção de castas bastante própria desta região resultam vinhos harmoniosos cuja qualidade é há muito reconhecida.

LEGISLAÇÃO BASE
Decreto-Lei Nº 212/2004 de 23 de Agosto e Portaria Nº 816/2006, de 16 de Agosto
 
ÁREA GEOGRÁFICA
A área geográfica correspondente à Denominação de Origem Controlada "Óbidos" abrange os concelhos de Bombarral (freguesias de Bombarral, Carvalhal, Roliça e Vale Côvo), Cadaval (freguesias de Alguber, Cadaval, Figueiros, Lamas, Painho, Peral, Pêro Moniz, Vermelha e Vilar), Caldas da Rainha (freguesias de A-dos-Francos, Alvorninha, Landal, São Gregório de Fanadia e Vidais) e Óbidos (freguesias de A-dos-Negros, Gaeiras e Óbidos /São Pedro).

Tipos de Vinho Rendimento Máximo (hl/ha) Título Alcoométrico Volúmico Mínimo (% vol.) Estágio Mínimo Obrigatório(meses)
VQPRD
   Tinto
   Branco
   Rosado

70
90
90

11
11
11
8
VEQPRD 90 11 9

CASTAS RECOMENDADAS
Vinhos Tintos Vinhos Brancos
Alicante Bouchet, Amostrinha, Aragonêz (Tinta Roriz), Baga, Cabernet Sauvignog, Caladoc, Camarate, Carignan, Castelão, Jaen, Merlot, Pinot Noir, Preto Martinho, Syrah, Tinta Barroca, Tinta Miúda, Touriga Franca, Touriga Nacional e Trincadeira (Tinta Amarela). Alicante Branco, Alvarinho, Antão Vaz, Arinto (Pedernã), Chardonnay, Encruzado, Fernão Pires (Maria Gomes), Jampal, Loureiro, Malvasia Rei, Moscatel Graúdo, Rabo de Ovelha, Ratinho, Riesling, Sauvignon, Seara Nova, Verdelho, Viognier, Viosinho e Vital.
 
CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS
Vinhos Tintos Vinhos Brancos
Abertos de cor, suaves e perfumados. Têm cor amarelo citrino e aroma e sabor frutado.




Otras denominaciones de Vino de Portugal







 


PORTADAContactoPublicidad
© Copyright Infoagro Systems, S.L.